Há malas que vêm de trem!

O Metrô de São Paulo consegue botar quase dez pessoas num mesmo metro quadrado. Provou que cabem nesse espaço do trem 9,8 passageiros, na verdade nove mais um que sempre perde a cabeça no caminho. Sabe lá o que é para um indeciso, por exemplo, viajar com cinco eleitores da Dilma e três do Serra respirando no mesmo quadrado?! O risco de se expor a tiroteio eleitoral é tão preocupante, no caso, quanto a claustrofobia natural da situação.

Tutty Vasques, O Estado de S.Paulo

24 de setembro de 2010 | 00h00

O povo discutindo política nos trens não fica nada a desejar ao bate-boca de candidatos na TV. O que torna o horário de pico da Linha 3-Vermelha mais desagradável que o Horário Eleitoral Gratuito é, sem dúvida, o bafo. Tem horas que, de olhos fechados, dá para se imaginar numa daquelas festinhas que o goleiro Bruno promovia em seu sítio. Ou, então, num debate de presidenciáveis no banheirinho de empregada da casa do Eymael, o democrata cristão.

O corpo a corpo rola solto nos vagões, mas isso não é novidade no Brasil, muito menos privilégio do Metrô de São Paulo. O que piorou em todo o País nos últimos meses foi a qualidade da conversa. Não sei se serve de consolo aos senhores passageiros, mas vai passar. Daqui a pouco eles tomam posse e a gente muda de assunto!

Peso pesado

Apresentado no Corinthians como jogador de futebol americano do clube, o ator Alexandre Frota tem tudo para virar uma espécie de Fenômeno da modalidade esportiva no Brasil. Tamanho pra isso ele tem!

Desabafo presidencial

"Como se não bastasse o filho disso, tem agora o filho daquilo, também!"

LULA, AO PÉ DO OUVIDO DO EX-MINISTRO MÁRCIO THOMAZ BASTOS.

Alegria, alegria

Tem pichação nova nos muros da web: "Quem lê tanto Twitter?"

Mata o velho!

Mais um problema sério para o alto tucanato: como esconder de FHC a notícia de que Lula, o filho do Brasil pode ganhar o Oscar em 2012? O ex-presidente já estava até preparado para aceitar a ideia de ver seu sucessor na ONU ou no Banco Mundial, mas na Academia de Cinema de Hollywood, peralá, aí também já é demais!

Sem pé nem cabeça

Pelas características do crime do Zoo Safári de São Paulo - 11 emas do parque foram barbaramente degoladas na madrugada de domingo -, parece coisa de aloprado, né não?

Pequenos negócios

A indústria do banheiro químico deve superar em crescimento a de cavaletes após as eleições. O Rio vai dobrar para 6.400 o número de sanitários de rua no carnaval de 2011.

Idioma adversário

Uma coisa soou estranha no "ato contra o golpismo midiático" convocado pelo PT: "Golpismo midiático", francamente, parece expressão do vocabulário tucano. A maioria dos trabalhadores nem sabe o que é isso.

Bicho-papão

O técnico Mano Menezes deixou Neymar fora da lista de convocados para os próximos amistosos da seleção brasileira. Por muito menos, Dorival Júnior perdeu o emprego.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.