Guggenheim escolhe vídeo de paulistano

O paulistano Jarbas Agnelli, de 47 anos, é o único brasileiro entre os ganhadores do concurso YouTube Play, que selecionou 25 vídeos para serem exibidos nas quatro filiais do Museu Guggenheim pelo mundo. Inicialmente, seriam apenas 20 ganhadores, mas os curadores optaram por escolher cinco a mais, "por causa da alta qualidade dos trabalhos enviados".

Nataly Costa, O Estado de S.Paulo

23 de outubro de 2010 | 00h00

O vídeo de Agnelli, Birds On The Wires, foi inspirado em uma foto do fotógrafo Paulo Pinto, publicada no Estado em 2009. Nela, pássaros estavam pousados sobre fios de energia elétrica. Ele associou a foto a notas e transformou a posição das aves em música e vídeo.

Agnelli participou da premiação anteontem, no Guggenheim de Nova York, onde tocou ao vivo a música, acompanhado pela orquestra Noname, dos músicos da escola de artes nova-iorquina Juilliard School. Antes, um vídeo mostrou Agnelli em São Paulo, onde mora, explicando seu processo de criação e como entrou em contato com a foto.

"Foi emocionante. Eles entraram em contato com a gente antes e eu vim para Nova York para ensaiar com a orquestra. Mudei o arranjo especialmente para o evento", contou Agnelli. Durante a apresentação, o vídeo foi projetado nas paredes do museu. Além disso, todos os escolhidos foram exibidos na fachada do museu. "A sensibilidade dele conseguiu traduzir em música o que eu vi como repórter fotográfico", diz Paulo Pinto, autor da foto. "Sem os olhos dele, eu não estaria aqui", devolve Agnelli.

Birds On The Wires e os outros ganhadores estão agora em duas salas do Guggenheim de Nova York, onde ficam até amanhã. De lá, seguem para Bilbao, Veneza e Berlim. Foram 23.358 inscrições que levaram aos 125 finalistas e 25 ganhadores.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.