Guardas tentam barrar futebol e são agredidos

Guardas municipais do Rio foram agredidos por banhistas às 16h30 de ontem na Praia de Ipanema, zona sul do Rio. A confusão começou quando os guardas tentaram impedir a prática de altinho (futebol) à beira-mar - proibida até 17h. Os banhistas atacaram os guardas com cocos e cadeiras de praia - cinco tiveram ferimentos leves.

O Estado de S.Paulo

10 de outubro de 2012 | 03h05

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.