Grupo tenta explodir caixa dentro de hospital em Ferraz de Vasconcelos

Seguranças foram rendidos, mas os criminosos abortaram a ação após explosivo falhar

Ricardo Valota, do estadão.com.br,

02 Março 2012 | 04h49

Atualizado às 5h55

 

SÃO PAULO - Pelo menos três criminosos tentaram arrombar, por volta das 3 horas desta madrugada de sexta-feira, 2, um caixa do Banco do Brasil instalado dentro do Hospital Regional Doutor Osíris Florindo Coelho, na Vila Correia, em Ferraz de Vasconcelos, na Grande São Paulo.

 

Os bandidos renderam dois seguranças, colocaram as vítimas em um carro, seguiram para área da pediatria, onde a máquina está instalada, fixaram uma dinamite na parte dianteira do caixa e acenderem o pavio, mas o explosivo não detonou.

 

O trio acabou fugindo. O Grupo de Ações Táticas Especiais (GATE), da PM, foi acionado para fazer a retirada da dinamite. O caso será registrado na Delegacia Central de Ferraz de Vasconcelos.

 

Ataques. Esse é o 23º ataque a caixas eletrônicos na Região Metropolitana de São Paulo apurado pelo estadão.com.br durante o período noturno em 2012. Foram sete casos na capital e outros 16 na Grande São Paulo, nas cidades de Guarulhos (3), Cotia (3), Osasco (2), Santo André (2), Ferraz de Vasconcelos, Itaquaquecetuba, Carapicuíba, Barueri, São Bernardo do Campo e Mogi das Cruzes. Em 17 dos 23 casos, os criminosos utilizaram explosivos. Seis criminosos foram presos em flagrante. Em 2011, ocorreram pelo menos 145 casos na Região Metropolitana.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.