Grupo surgiu há 20 anos

Criado em 1993 em Vigário Geral, zona norte do Rio, o Grupo Cultural AfroReggae considera que seu início foi a primeira edição de um jornal comunitário. Ao longo dos anos, surgiram o grupo musical, os centros culturais e a notoriedade, garantida pela sua intermediação com poder público, traficantes de drogas e artistas.

O Estado de S.Paulo

11 de abril de 2013 | 02h07

Entre os padrinhos do AfroReggae estão Caetano Veloso e Regina Casé. E visitas famosas não faltam: em sua última passagem pelo Brasil, a cantora Madonna foi conhecer o trabalho desenvolvido por eles.

Além de Vigário Geral, o grupo está presente em mais cinco morros cariocas, entre eles, o Morro do Alemão, ocupado em 2010 pela polícia.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.