Grupo se reúne na frente da clínica de David Uip

Um grupo de 40 pessoas protestou no começo da noite de ontem na frente da clínica particular do futuro secretário de Saúde do Estado, David Uip, nos Jardins, contra a privatização da saúde pública. Com faixas e cartazes, os manifestantes tentaram entrar em contato com Uip, mas não foram atendidos. A polícia foi acionada, mas o protesto, pacífico, terminou sem incidentes.

O Estado de S.Paulo

17 de agosto de 2013 | 02h03

O grupo, que se intitula Fórum Popular de Saúde de São Paulo, iniciou a manifestação às 17 horas na frente do Hospital das Clínicas. No caminho, bloqueou parcialmente, no sentido Pinheiros, uma faixa da Rebouças.

Uip estava atendendo pacientes no momento da chegada do grupo e, segundo os seguranças da clínica, não concordou em falar com os manifestantes, que ficaram no local até 21h. O grupo de manifestantes é o mesmo que na terça-feira tentou invadir o Hospital Sírio-Libanês e teve de ser contido pela polícia com spray de pimenta. /BRUNO DEIRO

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.