Grupo protesta contra filme ofensivo ao Islã em SP

Filme, que desencadeou protestos em diversos países, ironiza a religião islâmica

O Estado de S. Paulo,

21 de setembro de 2012 | 19h06

SÃO PAULO - Centenas de pessoas participaram na tarde desta sexta-feira, 21, de um protesto contra o filme "Inocência dos Muçulmanos", na zona leste de São Paulo. O ato foi organizado pela Associação Beneficente Islâmica do Brasil.

Com faixas e cartazes, o grupo exigiu respeito para todas as religiões. Crianças também participaram do ato. Os manifestantes partiram da Mesquita do Brás e seguiram pelas ruas do bairro até a Praça Padre Bento. O protesto foi pacífico e não prejudicou o trânsito na região.

O filme, que desencadeou protestos em diversos países, mostra Maomé como mulherengo e ironiza a religião islâmica. Um trailer de 14 minutos foi disponibilizado no YouTube. O filme norte-americano levou a violentos protestos em mais de 20 países, nos quais mais de 30 morreram.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.