Grupo ateia fogo em ônibus na zona leste

Força Tática foi até o local para conter vandalismo; manifestação interrompia o tráfego na avenida antes do incêndio

O Estado de S. Paulo

22 Março 2014 | 18h19

Atualizado às 20h10

Um grupo queimou um ônibus e apedrejou outro coletivo na Avenida Jacu-Pêssego, na zona leste da capital, no fim da tarde deste sábado, 22. Bombeiros conseguiram apagar as chamas, mas o coletivo incendiado ficou destruído. Não há informações sobre vítimas.

De acordo com a Polícia Militar, homens da Força Tática foram até o local e entraram em confronto com os responsáveis pela depredação. A PM foi chamada por moradores do bairro, que estavam assustados. Três pessoas foram detidas e levadas ao 53º. Distrito Policial (Parque do Carmo), segundo a Polícia Civil. 

A PM informou que o motivo do vandalismo foi a morte de três pessoas, entre elas um menor de idade, na madrugada da última quarta-feira, 19. A polícia, porém, não soube informar detalhes sobre o caso.

Por causa do embate entre o grupo e os policiais, a avenida Jacu-Pêssego ficou totalmente bloqueada no sentido Mauá, na Região Metropolitana de São Paulo, até as 20 horas.

Mais conteúdo sobre:
ônibus queimado depredação

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.