Grupo armado faz arrastão em restaurante chinês do Butantã

Criminosos invadiram o Everest e levaram dinheiro e objetos de valor das vítimas; dois suspeitos foram detidos

Bruno Lupion, do estadão.com.br,

21 Março 2011 | 04h03

SÃO PAULO - Clientes que almoçavam em um restaurante chinês na região do Butantã, zona oeste da capital, foram vítimas de um arrastão na tarde de domingo, 20. Um grupo de homens armados - em número não revelado - invadiu o estabelecimento e levou dinheiro e objetos de valor das vítimas. Dois suspeitos foram detidos pela Polícia Militar e reconhecidos como autores do roubo. Seus comparsas continuam foragidos.

 

Os criminosos atacaram o Restaurante Everest, na Rua Hugo Carotini, na altura do km 11 da Rodovia Raposo Tavares, por volta das 15 horas. Após roubar as vítimas, o grupo fugiu no Citröen C4 de uma delas. Minutos depois, o carro foi localizado por policiais militares do 16º Batalhão Metropolitano na Rua Padre Loreto Couto, no Jardim João XXIII, também na zona oeste.

 

Quatro homens suspeitos estavam próximos ao veículo e foram detidos e encaminhados ao 51º Distrito Policial, no Butantã, para reconhecimento das vítimas. Dois deles foram apontados como autores do roubo e autuados em flagrante.

Mais conteúdo sobre:
assalto, Butantã, violência

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.