Grupamento de Guarulhos tem 20 homens

Criada em 1997, a Guarda Civil Municipal de Guarulhos, na Grande São Paulo, tem 800 agentes, dos quais a grande maioria - 90% - está credenciada a aplicar multas de tráfego.

/ C.V., O Estado de S.Paulo

30 de setembro de 2011 | 03h03

Há 11 anos, a corporação tem um grupamento exclusivo de trânsito para fiscalizar as vias da cidade, com 20 homens. O patrulhamento é feito a pé ou a bordo de veículos - atualmente, há seis motos e três carros à disposição dos guardas-civis.

Além deles, agentes de trânsito e oficiais da Polícia Militar monitoram o trânsito da cidade.

Dados da Secretaria de Estado da Segurança Pública revelam que 74 mortes foram registradas no trânsito de Guarulhos entre janeiro e agosto deste ano. Na capital paulista, onde a população é quase dez vezes maior, foram computadas 481 mortes no mesmo período.

Proporcionalmente, portanto, o número de acidentes viários com vítimas fatais é maior em Guarulhos. Porém, algumas áreas densamente urbanizadas da cidade são cortadas pelas Rodovias Fernão Dias e Presidente Dutra, que registram atropelamentos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.