Greve é mantida e governador diz não ceder a 'chantagem'

O sindicato dos metroviários mantém agendada uma greve da categoria para quarta-feira. Mas o governador Geraldo Alckmin disse que não cederá a qualquer "chantagem". Os sindicalistas propõem que, durante a paralisação, haja liberação de catracas no lugar de bloqueio de trens.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.