Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90
Prefeitura de Itu/Divulgação
Prefeitura de Itu/Divulgação

Paralisação de ônibus deixa 50 mil sem transporte em Itu

Trabalhadores cruzaram os braços por atraso do pagamento de salários; ato atinge linhas que vão a Campinas e Sorocaba

José Maria Tomazela, O Estado de S. Paulo

08 de outubro de 2015 | 09h01

SOROCABA - Uma greve de trabalhadores de duas empresas do transporte coletivo deixou mais de 50 mil pessoas sem ônibus na manhã desta quinta-feira, 8, em Itu, no interior de São Paulo. Os usuários foram pegos de surpresa e muitos não puderam se deslocar para o trabalho.

O Sindicato dos Condutores de Itu informou que a paralisação decorre do atraso no pagamento dos salários pelas empresas. De acordo com o sindicato, o prazo dado para as empresas regularizarem os pagamentos não foi cumprido.

A paralisação atingiu também 70 veículos que fazem linhas intermunicipais, transportando passageiros para Campinas e Sorocaba. Até o início da manhã desta quinta-feira não havia previsão de retomada dos serviços.

Tudo o que sabemos sobre:
ItuGreveSão Paulo

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.