Governo vai distribuir cadeiras de roda motorizadas

Anúncio ocorreu em ato que contou com o prefeito Haddad ao lado do ministro Padilha

Artur Rodrigues,

03 Dezembro 2013 | 13h24

O governo federal vai distribuir cadeiras motorizadas para portadores de deficiência física por meio do Sistema Único de Saúde (SUS). Atualmente só cadeiras simples são entregues. O anúncio foi feito nesta terça-feira, dia 3, na zona sul de São Paulo pelo ministro da Saúde e pré-candidato do PT ao governo de São Paulo, Alexandre Padilha, e pelo prefeito da capital, Fernando Haddad (PT) - hoje é o Dia Mundial da Pessoa com Deficiência.

 

O evento que reuniu o ministro e o prefeito aconteceu em um centro de reabilitação física da Prefeitura, que passará a contar com verbas federais para investir no setor . "São Paulo vai receber R$ 100 milhões para esses equipamentos", afirmou o prefeito. Na cidade existem 15 centros de reabilitação da Prefeitura. O acordo entre a cidade e governo federal prevê a instalação de novos equipamentos no município.

 

Ao ser questionado se a campanha para o governo do Estado já havia começado, Padilha afirmou que sempre vai às periferias de cidades de todos os Estados "como ministro". O petista apareceu em quarto lugar em pesquisa eleitoral do Datafolha divulgada na segunda-feira, dia 2. "Ainda é cedo. A campanha nem começou", afirmou o ministro.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.