Governo federal vê com surpresa troca de secretário

O governo federal recebeu com um misto de surpresa e satisfação a queda do secretário Antonio Ferreira Pinto, substituído pelo ex-procurador-geral Fernando Grella Vieira.

O Estado de S.Paulo

22 de novembro de 2012 | 02h04

Surpresa porque não se costuma trocar um comandante no auge de uma crise e satisfação porque se abrem boas perspectivas de diálogo e maior produtividade nas ações conjuntas que União e governo paulista realizam no combate à violência.

O ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, que travou com Ferreira Pinto um bate-boca em outubro em torno da ajuda federal, não quis comentar a troca. Mas, segundo informações de pessoas próximas, é fato que Cardozo conhece e mantém boa relação de longa data com o novo secretário, com o qual espera intensificar a cooperação.

Na avaliação do ministério, além de ter estilo considerado ultrapassado de enfrentamento do crime, o ex-secretário era acusado de manter uma política hostil com o governo federal. / VANNILDO MENDES

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.