Governo do Estado anuncia construção de 12 Centros de Detenção Provisória

41 CDPs do Estado estão com 125,97% acima da capacidade

Mônica Reolom, O Estado de S. Paulo

29 Abril 2014 | 07h44

O governador Geraldo Alckmin vai anunciar nesta terça-feira, 29, a construção de 12 Centros de Detenção Provisória (CDPs) no Estado. As unidades serão construídas em seis regiões administrativas de São Paulo e, segundo o governo, vão gerar mais de 10 mil vagas no sistema penitenciário.

O evento será as 10h no Palácio dos Bandeirantes, na zona sul da cidade.

Uma matéria publicado no Estadão no dia 15 revelou o problema da superlotação nos CDPs - nos centros de Chácara Belém, na zona leste, os detentos usam a hora do banho do sol para dormir. De acordo com agentes penitenciários, celas projetadas para 12 detentos abrigam até 50 homens. Dados da Secretaria de Administração Penitenciária mostram que os 41 CDPs do Estado estão com 125,97% acima da capacidade. Nas 77 penitenciárias, a taxa é de 60,39%.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.