Google terá de pagar indenização por vídeo

O Superior Tribunal de Justiça (STJ) condenou o Google a pagar R$ 50 mil a uma mulher que teve vídeo íntimo divulgado na internet. A corte manteve decisão de 1.ª instância que já havia sido confirmada pelo Tribunal de Justiça de SP (TJ-SP). O Google não foi responsabilizado pela circulação do vídeo, mas havia se comprometido a remover os resultados de busca.

O Estado de S.Paulo

28 Novembro 2013 | 02h12

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.