Goleiro passa mal de novo na penitenciária

CASO BRUNO

, O Estado de S.Paulo

06 de outubro de 2010 | 00h00

O goleiro Bruno Fernandes, preso em Contagem (MG) e acusado do sumiço e da morte da ex-amante Eliza Samudio, passou mal mais uma vez ontem. Segundo o governo de Minas, ele teve dor de cabeça e vômito. Foi levado a uma clínica. Após avaliação médica, voltou à cadeia e passa bem. Sonia de Fátima Moura, mãe de Eliza, depôs ontem em Campo Grande (MS) e voltou a pedir que encontrem o corpo da filha.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.