Gil Rugai vai a júri em dezembro por 2 mortes

O estudante e ex-seminarista Gil Rugai será levado a julgamento em 12 de dezembro, segundo o Tribunal de Justiça de São Paulo. Rugai é acusado de matar o pai, Luiz Carlos Rugai, e a madrasta, Alessandra de Fátima Troitiño, em 2004, na casa deles, em Perdizes, zona oeste. Segundo o Ministério Público, o crime aconteceu após briga sobre a empresa da família.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.