Amanda Perobelli/Estadão
Amanda Perobelli/Estadão

Gestão do carnaval de rua vai para Bruno Covas

O prefeito João Doria vai transferir a gestão da festa da secretaria de Cultura para a de Prefeituras Regionais, que de acordo com ele teria a infraestrutura necessária para a tarefa

Pedro Venceslau e Ricardo Galhardo, O Estado de S.Paulo

22 Setembro 2017 | 03h00

O prefeito de São Paulo, João Doria (PSDB), vai transferir a gestão do carnaval de rua da secretaria de Cultura para a de Prefeituras Regionais. O decreto com a mudança está sendo preparado pelo secretário de Negócios Jurídicos, Anderson Pomini, e deve ser assinado pelo prefeito hoje. 

A medida tira o titular da Cultura, André Sturm, da linha de frente de uma das principais vitrines da atual gestão. O bastão será entregue ao vice-prefeito e secretário de Prefeituras Regionais, Bruno Covas. 

O argumento oficial é de que Cultura não conta com a infraestrutura necessária para dialogar com os blocos, organizar a engenharia de tráfego e a base de apoio para os foliões. Em caráter reservado, auxiliares de Doria reconhecem que Sturm perdeu espaço por atritos com secretários e representantes do setor cultural. 

Outro motivo foi dar visibilidade a Covas, que se torna prefeito caso Doria dispute a eleição. “Não tenho o que declarar. A decisão é do prefeito e tem meu apoio”, disse Sturm.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.