Gate é acionado para remover explosivo de caixa eletrônico em Campinas

Nenhum suspeito de participar da ação dentro de agência bancária foi detido até o momento

Ricardo Valota, do estadão.com.br,

31 Dezembro 2011 | 08h05

SÃO PAULO - O Grupo de Ações Táticas Especiais (Gate), da Polícia Militar, foi acionado, às 5h30 deste sábado, 31, para remover explosivos que não detonaram após serem fixados por bandidos em um dos caixas eletrônicos instalados no hall de entrada de uma agência do Bradesco na altura do nº 1.041 da Avenida Ana Beatriz Bierrembach, no Jardim do Lago, em Campinas, interior paulista.

 

Policiais militares da 3ª Companhia do 47º Batalhão do Interior (BPM/I), até as 8 horas, preservavam o local do ataque ao caixa eletrônico à espera da perícia. Não se sabe ainda se os bandidos conseguiram levar algum valor da máquina. Nenhum suspeito foi detido pela polícia. O caso será encaminhado para o 9º Distrito Policial, da Vila Aeroporto. Após analisar o explosivo, o Gate entregará um relatório à Polícia Civil.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.