Garota de 13 anos pula o muro e frustra assalto a residência em Santo Amaro

Menina conseguiu fugir do trio de assaltantes e seguiu para o vizinho para chamar a polícia

Bruno Lupion, do estadão.com.br

23 de novembro de 2010 | 05h59

SÃO PAULO - Três ladrões foram presos na noite de segunda-feira, 22, após invadirem uma residência em Santo Amaro, zona sul da capital, e fazer um casal de moradores e sua filha de 13 anos reféns. A menina conseguiu fugir e pulou o muro para o vizinho, de onde chamou a polícia. Um taxista que seria comparsa do grupo também acabou detido.

Segundo uma testemunha, o trio chegou ao local no táxi por volta das 22 horas e rendeu os moradores quando eles entravam em casa com seu Peugeot Escapade. Todos foram feitos refém, mas a menina escapou. Durante a ação, os ladrões colocaram notebooks, joias, R$ 800 em dinheiro e R$ 6 mil em cheques no veículo, que seria usado para a fuga.

Ao ver os policiais militares, Edenilson Barbosa Ferreira, de 18 anos, saiu correndo pelo portão da frente e acabou preso. Lucas Roberto Lago Santos, 20 anos, e Wander Guimarães Alves, de 22, mantiveram o casal refém por alguns minutos e se renderam após negociação com a polícia. Com o trio, foram apreendidos dois revólveres calibre 38.

Os policiais também suspeitaram do taxista Adriano Coelho Barbosa, 26 anos, que estava a 50 metros da casa conversando com um vigilante de rua, e decidiram abordá-lo. Segundo o sargento Malnique, da 4ª Companhia do 1º Batalhão Metropolitano, o RG de um dos ladrões estava dentro do táxi e testemunhas confirmaram que ele havia conduzido o trio até o local. Todos foram encaminhados ao 11º Distrito Policial, em Santo Amaro.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.