André Bueno/CMSP
André Bueno/CMSP

Bala atinge gabinete de vereador de SP durante a madrugada

Projétil atravessou uma geladeira e atingiu a parede da cozinha do vereador Amauri da Silva (PSC); ninguém ficou ferido

O Estado de S.Paulo

26 de outubro de 2018 | 12h46
Atualizado 26 de outubro de 2018 | 17h46

SÃO PAULO - O gabinete do vereador de São Paulo Amauri da Silva (PSC) foi atingido por um tiro durante a madrugada desta sexta-feira, 26. De acordo com informações da assessoria de imprensa da Presidência da Câmara Municipal, o disparo atravessou uma geladeira e foi parar na parede da cozinha do gabinete. Ninguém ficou ferido.

A Presidência da Câmara afirmou, por meio de nota, que o projétil é "provavelmente uma bala perdida". "O projétil passou pela geladeira do local e foi parar na parede da cozinha do gabinete. O fato foi percebido na manhã desta sexta-feira", informou a Presidência da Câmara em nota.

A Presidência solicitou a apuração do caso, registrado no 1º DP. Segundo a nota, "houve uma ocorrência registrada pela PM e pela Guarda Civil Metropolitana (GCM) de disparo de arma de fogo e tentativa de roubo na Praça da Bandeira, às 19h07 de quinta-feira, o que pode indicar a origem do projétil que atingiu o gabinete".

O vereador foi empossado em fevereiro de 2018, no lugar de Gilberto Nascimento (PSC). Silva é vinculado à Guarda Civil Metropolitana (GCM) desde 1986.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.