Funcionário de presídio é detido após rebelião

MARANHÃO

, O Estado de S.Paulo

15 de novembro de 2010 | 00h00

O funcionário público estadual Jorge Henrique Rabelo Pereira, conhecido como ''Seu Jorge'', foi detido no sábado acusado de fornecer dois revólveres e um aparelho celular utilizado pelos líderes da rebelião ocorrida durante essa semana no presídio São Luís e na Penitenciária de Pedrinhas, onde ele trabalhava, ambas na capital do Maranhão. Dezoito presos foram assassinados. Pereira é acusado de ter recebido R$ 1 mil.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.