Funcionário da Câmara receberá aumento de 7,3%

Vereadores também aprovaram reajuste de 31% do bônus para os policiais militares que prestam serviço na Casa

O Estado de S.Paulo

04 de abril de 2013 | 02h02

Os 39 policiais militares que trabalham na segurança do Palácio do Anchieta, a sede da Câmara Municipal de São Paulo, ganharam um aumento ontem de 31% na gratificação mensal. De R$ 2.100 o bônus dos PMs passou para R$ 2.990. O projeto que autoriza o reajuste foi votado ontem pelos vereadores, que também aprovaram um aumento de 7,3% para os 1.937 servidores da Câmara e aos 698 funcionários do Tribunal de Contas do Município (TCM) - o dissídio da categoria foi em março.

O aumento da gratificação dos PMs segue o mesmo benefício concedido ontem aos 41 guardas-civis metropolitanos (GCMs) que trabalham na segurança da Casa, segundo a Mesa Diretora do Legislativo. Os 80 policiais que fazem a segurança da Casa, porém, não conseguiram impedir, no ano passado, que homens de terno entrassem no plenário e roubassem quatro laptops na mesa de vereadores, durante uma audiência pública. / D.Z.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.