DANIEL TEIXEIRA/ ESTADAO
DANIEL TEIXEIRA/ ESTADAO

Frio intenso persiste em São Paulo e capital pode atingir novos recordes até domingo

Temperatura mínima pode chegar a 3º C durante as madrugadas, de acordo com previsão do CGE

João Ker, O Estado de S.Paulo

29 de julho de 2021 | 05h00

Com a temperatura variando entre os 8 e 10º C ao longa da noite desta quarta-feira, 28, São Paulo deve manter a tendência de frio para os próximos dias, graças a uma massa de ar polar que atinge estados do Sul e do Sudeste até o próximo domingo, 1º. De acordo com o Centro de Gerenciamento de Emergências Climáticas, a previsão é de "frio intenso" e "consequentemente novos recordes", com a mínima chegando abaixo dos 5º C.

Logo nesta quinta-feira, 29, o dia já começa com formação de geada e céu claro, mas nem a aparição do sol vai ser suficiente para aumentar a temperatura, graças aos ventos constantes que sopram do quadrante sul. A previsão é que os termômetros da capital variem da mínima de 4º C à máxima de 13 º C.

Esta tendência se repete e se agrava na sexta-feira, quando a temperatura pode diminuir ainda mais, principalmente nas madrugadas. A previsão para o dia é de mínima de 3º C e predomínio de sol, que eleva a máxima para 14º C.

Com a chegada da frente fria à capital, a Prefeitura de São Paulo criou uma força-tarefa para acolher pessoas em situação de rua, com cinco tendas espalhadas pela cidade. De acordo com o prefeito Ricardo Nunes (MDB), haverá distribuição de sopas, cobertores, agasalhos, kits de higiene e atendimento médico. Serão cerca de 5 mil pratos por noite, além de 3,2 toneladas de agasalhos e cobertores obtidos em parceria com a Cruz Vermelha. 

Os abrigos municipais para a população em situação de rua também ganharam 817 novas vagas desde a quarta-feira. Já as tendas estão localizadas na Praça da Sé, Praça Princesa Isabel (Luz), Praça Barão de Tietê (Mooca), Praça Salim Farah Maluf (Santo Amaro) e Praça Miguel Dell’erba (Lapa). 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.