Forte chuva provoca 11 pontos de alagamentos em São Paulo

CGE colocou em estado de atenção as zonas Norte, Oeste, Centro, bem como as marginais Tietê e Pinheiros

Michelly Teixeira, da Agência Estado,

09 de março de 2008 | 16h51

A forte chuva na cidade de São Paulo provocou 11 pontos de alagamentos na tarde deste domingo, 9, sendo que dez estão ativos, conforme boletim do Centro de Gerenciamento de Emergências (CGE). Apesar dos alagamentos, todos os pontos seguem transitáveis. De acordo com o CGE, há sete focos na Marginal Tietê. Um deles fica na altura da ponte Ulisses Guimarães, nos sentidos das rodovias Airton Senna e Castelo Branco. Outros estão situados na altura do número 7293, antes da ponte Júlio de Mesquita Filho, e nas proximidades da Praça Paschoal Martins, nos dois sentidos. Também há complicações a 150 metros da Praça Luis Carlos Mesquita e também próximo ao viaduto Pompéia, na direção da Barra Funda. Complicações também foram registradas na Marginal Pinheiros, sentido Interlagos, perto da ponte Fepasa. O cruzamento das avenidas Mofarrej e Gastão Vidigal também está alagado, nos dois sentidos. A avenida Cruzeiro do Sul, nas proximidades da Rua Santa Eulália, também tem pontos alagados. Na avenida Pompéia, perto da rua Venâncio Aires, foi registrado uma ocorrência, mas a situação já está normalizada, segundo o CGE. Por conta da chuva, o CGE colocou em estado de atenção as zonas Norte, Oeste, Centro, bem como as marginais Tietê e Pinheiros. As demais áreas da cidade estão em estado de observação. Segundo a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET), apesar da forte chuva, o trânsito flui normalmente. A única ocorrência no momento é um acidente com uma moto na avenida Radial Leste. Os bombeiros estão no local prestando atendimento.

Tudo o que sabemos sobre:
Chuvas

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.