Força-tarefa prende camelôs no entorno da 25 de Março

Neste penúltimo dia de operação na região da Rua 25 de Março, no centro da capital, a força-tarefa composta pela Subprefeitura da Sé, Guarda Civil Metropolitana e polícias Civil e Militar deteve três camelôs, apreendeu em torno de 600 sacos com produtos ilegais e lacrou dois armazéns situados na Avenida do Estado, onde eram mantidos carrinhos com alimentos e bebidas. A ação, que conta com um efetivo de 250 pessoas, visa impedir a circulação de ambulantes em situação irregular. No primeiro dia de atuação, na terça-feira, 9, já haviam sido detidos 11 camelôs por venda de mercadorias piratas, uma pessoa acusada de suborno e um foragido da Justiça condenado a sete anos de prisão por roubo, segundo balanço da subprefeitura. Também foram recolhidos cerca de 9 mil produtos piratas, sendo 4 mil deles DVDs e CDs. A operação será encerrada nesta quinta-feira, 12, véspera do feriado de Nossa Senhora Aparecida.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.