Foram lançadas 21 mil unidades em 15 anos

O Tatuapé surgiu como bairro industrial e já há mais de 20 anos vive um crescimento imobiliário intenso. Nos últimos 15 anos, o bairro teve 228 lançamentos, com mais de 21 mil unidades, segundo a Embraesp. A maior parte de alto padrão.

, O Estado de S.Paulo

12 Setembro 2010 | 00h00

Em uma ilha ainda mais exclusiva, grandes casarões ocuparam ao longo desse período o que se chamou de Jardim Anália Franco - loteamento lançado em 1968, ocupado com mais força a partir dos anos 1980. Gradualmente, as casas têm sido substituídas por torres, em um processo acentuado nos últimos dois anos. Um terço das mais de 820 unidades lançadas no Anália Franco ocorreu de 2007 para cá.

A gestora de produtos Natália Aparecida Silva, de 23 anos, é da Penha, também na zona leste, e vai se mudar para o bairro ainda neste ano, quando seu apartamento tipo loft ficar pronto. "Aqui foi minha primeira opção. Queria ficar fora do centro expandido. Posso fazer tudo a pé, sair para um barzinho ou caminhar no Ceret", diz ela, referindo-se ao parque de 286 mil metros quadrados de área verde no coração do bairro.

Comércio. O crescimento imobiliário veio acompanhado de um efervescência comercial. Símbolo da região, o Shopping Anália Franco completou dez anos em 2009 e inaugurou há seis meses uma expansão que somou novas 76 lojas. Grifes famosas se instalaram no local, como Osklen, Calvin Klein, Animale, Lacoste e Starbucks.

Outros dois shoppings, colados na Estação Tatuapé do Metrô, cercam a região. Nas vias como a Rua Eleonora Cintra, lojas de móveis e decoração se multiplicam. Na região da Praça Sílvio Romero e Rua Itapura, a quantidade de bares faz frente à movimentada Vila Madalena.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.