Flores e faixas homenageiam policiais metralhados no Rio

Na madrugada de quinta-feira, dois PMs foram assassinados dentro de viatura que foi metralhada

da Redação, estadao.com.br

18 de julho de 2008 | 10h11

Flores depositadas no local onde dois policiais militares do 23º Batalhão da Polícia Militar (BPM) foram metralhados dentro de um carro da PM, que estava estacionado na Rua Fonte da Saudade, na Lagoa, zona sul do Rio de Janeiro. O sargento Joel de Almeida Gomes e o cabo Francisco Alves Pereira Júnior estariam dormindo quando foram alvejados.   Os dois policiais não tiveram tempo de reagir e foram assassinados no local     O movimento Rio de Paz também colocou cartaz e cruzes próximo ao local onde os PMs foram mortos   (Fotos: Marcos D'Paula/AE)

Tudo o que sabemos sobre:
violência

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.