Fiscalização na Galeria Pagé continua nesta segunda-feira

Cerca de 50 lojas foram vistoriadas; 16 pessoas detidas e encaminhados 48 estrangeiros à Polícia Federal (PF)

Marcela Gonsalves, Central de Notícias

11 de abril de 2011 | 14h52

SÃO PAULO - A Guarda Civil Metropolitana (GCM) continuou nesta segunda-feira, 11, a operação de combate à pirataria, contrabando e sonegação fiscal na Galeria Pagé, iniciada na última sexta-feira, 8, que já vistoriou cerca de 50 lojas. Foram detidas 16 pessoas e encaminhados 48 estrangeiros à Polícia Federal (PF). A Vigilância Sanitária emitiu ainda dois autos de infração e uma interdição por falta de higiene.

 

O bloco administrativo deve ter a fiscalização concluída e o acesso totalmente liberado ainda nesta segunda-feira, 11. Para o outro bloco, a conclusão dos trabalhos está prevista para quarta-feira.

 

Na sexta-feira haverá uma reunião na sede da Prefeitura de São Paulo, com os novos controladores da Galeria Pagé e do edifício, além de representantes de órgãos públicos, na qual será discutida a plena regularização do local.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.