Walter Firmo/Divulgação
Walter Firmo/Divulgação

Festa da Consciência Negra terá de show a exposições

Pinacoteca do Estado e Museus de Arte Sacra e da Língua Portuguesa são algumas das instituições que celebrarão a data

O Estado de S.Paulo

16 de novembro de 2011 | 03h03

Já começou a temporada de eventos do Dia Nacional da Consciência Negra, comemorado em 20 de novembro. Na programação, de exposições de fotos a um festival de hip hop que será encerrado com show grátis dos Racionais MC's.

Africanofagias Paulistanas é o título da programação temática que ocorre neste mês na Pinacoteca do Estado, no Museu de Arte Sacra e no Museu da Língua Portuguesa. No sábado, haverá mesa redonda do tema Africanizando o Cotidiano Paulistano, sobre a influência africana no dia a dia do cotidiano da cidade - de expressões orais a práticas religiosas. Estão ainda previstas apresentações de maracatu e rap e peças teatrais. A programação completa pode ser consultada no site www.pinacoteca.org.br ou pelo telefone (11) 3324-1000.

O Museu Afro Brasil comemora a data com duas exposições: Aurelino - A Transfiguração do Real, com cerca de cem obras do artista plástico baiano Aurelino dos Santos, e Brincar com Arte - O Brinquedo Popular do Nordeste, com mais de mil objetos da coleção de David Glat. Ambas abrem no dia 20 e ficam em cartaz até 1.º de abril. O Museu Afro Brasil fica no Parque do Ibirapuera. Informações pelo www.museuafrobrasil.org.br ou no telefone (11) 3320-8900, ramal 8921.

Também em comemoração à Consciência Negra, o Museu de Arte Sacra (Avenida Tiradentes, 676, Luz, tel.: (11) 3326-5393, www.museuartesacra.org.br) abre no dia 17 a mostra Benedito das Flores e Antonio do Categeró, com obras de seu acervo, do Museu Afro Brasil e de colecionadores particulares. São 170 imagens feitas de vários materiais - madeira, barro cozido, gesso e prata -, que retratam santos de origem negra amplamente difundidos entre católicos.

Hip hop. No Memorial da América Latina (Avenida Auro Soares de Moura Andrade, 664, Barra Funda, tel.: (11) 3823-4600), o destaque será o 5.º Encontro Paulista de Hip Hop no fim de semana. De graça, o evento terá oficinas de dança e de grafite, lançamento de livro e, para encerrar, o show com os Racionais MC's.

No Museu Municipal de Barueri, na Grande São Paulo, o destaque será a mostra Walter Firmo: Um Fotógrafo Negro. Com entrada gratuita, a exposição acontece até 17 de janeiro na Avenida Henrique Gonçalves Batista, 359, Barueri. Com 74 anos de idade e 54 de carreira, o carioca Walter Firmo é conhecido pela maestria de seus retratos - muitos ressaltando a população negra do Brasil.

A exposição foi produzida pelo Museu Afro Brasil em conjunto com o Sistema Estadual de Museus (Sisem), órgão da Unidade de Preservação do Patrimônio Museológico do Estado. "É bacana mostrarmos tanto a presença do artista negro quanto o negro como temática de obras de arte", explica a coordenadora da unidade, Claudinéli Moreira Ramos. "A mostra é a principal ação do Sisem para celebração da Consciência Negra. E vem de encontro à intenção da Secretaria da Cultura de interiorizar cada vez mais as ações culturais de alta qualidade."

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.