Edison Temoteo/Futura Press/AE
Edison Temoteo/Futura Press/AE

Ferrari fica destruída após acidente no Cebolão

Superesportivo, de R$ 2,1 milhões, só parou após colidir com uma mureta de concreto

O Estado de S. Paulo - Atualizado às 15h13

13 Maio 2013 | 09h50

SÃO PAULO - Uma Ferrari 458 Spider avaliada em R$ 2,1 milhões ficou completamente destruída após um acidente na altura do Cebolão, na Avenida Marginal do Tietê, sentido São Paulo, por volta da 1h30 da madrugada desta segunda-feira, 13. O carro foi emplacado há apenas 20 dias, de acordo com o jornal Bom Dia São Paulo, da TV Globo.

O veículo teria batido em um poste e só parou após se chocar contra uma mureta de proteção. Peças e pneus voaram para fora da ponte.

Ainda segundo  Bom Dia São Paulo, da TV Globo, o motorista do superesportivo e uma mulher saíram do carro sem ferimentos e foram embora do local. O casal não foi identificado até às 14h48 desta segunda-feira.

O modelo envolvido no acidente possui um motor V8 de 570 cavalos de potência. Ele atinge 100 km/h em 3,4 segundos e é capaz de chegar a 320 km/h. O veículo está registrado no nome de uma empresa.

 
Mais conteúdo sobre:
ferrari acidente cebolão marginal

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.