Feriado terá shows, mostras e lojas abertas

Parques do Ibirapuera e Juventude reúnem principais atrações da Consciência Negra

O Estado de S.Paulo

20 Novembro 2012 | 02h04

O Dia da Consciência Negra será marcado em São Paulo por shows, exposições e eventos em homenagem à cultura afro-brasileira. No Parque do Ibirapuera, a Fundação Cultural Palmares apresenta atrações gratuitas a partir das 10 horas, com show do rapper Emicida, às 13h, e do sambista Martinho da Vila, às 19h.

"Queremos criar um ambiente em que a cultura negra possa ser celebrada", afirma Martvs das Chagas, diretor de fomento da fundação. Também no parque, o Museu Afro Brasil abre três exposições, às 13h, com curadoria de Emanoel Araújo.

Às 11h, o Ministério da Cultura (MinC) lança editais voltados a artistas e produtores negros, com a presença da ministra Marta Suplicy. No Parque da Juventude, a Secretaria de Estado da Cultura traz shows de Fabiana Cozza, às 16h, e Fundo de Quintal, às 18h. "Teremos tendas institucionais que vão divulgar os serviços à população negra", conta Cássio Rodrigo, assessor de Cultura para Gêneros e Etnias.

Compras. Parte das lojas de ruas comerciais, como 25 de Março e Oscar Freire, vai abrir. Na região da 25, algumas devem abrir às 8h e fechar perto das 15h. A lojista Denise Silva Lima prevê um feriado de vendas: "Nesta época do ano, o movimento é sempre grande". / ÉRICA TERUEL, DIEGO CARDOSO e TOMÁS PETERSEN, ESPECIAL PARA O ESTADO

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.