Feriado: motorista deve ficar atento às obras em estradas

Régis e Tamoios são 2 rodovias que terão interdições; movimento deve ser maior a partir das 15h de hoje e entre 7h e 18h de amanhã

O Estado de S.Paulo

01 de novembro de 2012 | 02h04

Cerca de 1,6 milhão de veículos devem sair de São Paulo neste feriado de Finados e os motoristas devem ficar atentos: boa parte das rodovias paulistas tem trechos em obras e meteorologistas preveem chuva para hoje e amanhã no Estado.

Na Rodovia dos Tamoios, que liga o Vale do Paraíba ao litoral norte, a velocidade média no trecho de planalto será reduzida e a previsão é de que a capacidade de tráfego fique abaixo do normal. A concessionária aconselha os motoristas a considerarem outras rodovias, como Mogi-Bertioga (SP-098), Oswaldo Cruz (SP-124) e Rio-Santos (SP-055). Os horários com previsão de maior fluxo de veículos são a partir das 15h de hoje e entre 7h e 18h de amanhã. Na volta, é prudente evitar a rodovia das 12h de domingo às 2h da segunda.

Pelo menos cinco pontos com desvios no trecho paulista e uma ponte interditada perto de Curitiba devem complicar a vida de quem andar pela Rodovia Régis Bittencourt (BR-116). A previsão é de aumento de 20% no tráfego durante o feriado prolongado. Está previsto o uso de faixas reversíveis, com tráfego no contrafluxo na pista sentido São Paulo, entre Juquitiba e Miracatu.

Quem vai para o interior deve redobrar a atenção nas rodovias que cruzam a região de Campinas, por causa de obras de recuperação e duplicação de pistas. Pelo menos 1,3 milhão de veículos são esperados no Sistema Anhanguera e Bandeirantes, no corredor D. Pedro I e nas pistas que levam ao Circuito das Águas paulista e ao sul de Minas. Na Anhanguera, as obras de reforma do pavimento foram suspensas e na Bandeirantes não há obras. A concessionária AutoBan recomenda evitar os horários de pico, entre 16h e 20h de hoje e das 8h às 13h de amanhã.

Litoral. A Ecovias, que administra o Sistema Anchieta e Imigrantes, estima que mais de 800 mil veículos passem pelas duas estradas. A expectativa da concessionária é que o tráfego se intensifique entre 16h e 23h de hoje. Amanhã, a previsão é de que o tráfego seja maior entre 7h e 12h. No domingo, o maior movimento deve ser das 15h às 22h.

Já a Dersa calcula que mais de 180 mil veículos façam travessias litorâneas. O maior movimento é esperado na travessia entre Santos e Guarujá, por onde devem passar aproximadamente 133 mil veículos. O movimento deve ser mais intenso entre 9h e 13 h de amanhã e das 16h às 20h de domingo. Já no litoral norte, a expectativa entre São Sebastião e Ilhabela é de maior movimento entre 10h e 13 h de amanhã e entre 17h e 20h do domingo. / JULIANA DEODORO, JOSÉ MARIA TOMAZELA, RICARDO BRANDT E REGINALDO PUPO, ESPECIAL PARA O ESTADO

Mais conteúdo sobre:
feriadofinados

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.