Federação suspende venda de ingressos a torcidas organizadas de SP

São Paulo, 31 - Atendendo à recomendação do Ministério Público de São Paulo (MP), a Federação Paulista de Futebol (FPF) proibiu, nesta sexta-feira, 30, a venda de ingressos de jogos de futebol em todas as sedes de torcidas organizadas no Estado de São Paulo.

Solange Spigliatti, estadão.com.br

31 Março 2012 | 12h03

A decisão, segundo a FPF, foi tomada após pedido do MP feito na última quinta-feira, 29, em consequência da gravidade do conflito do último domingo, 25, na zona norte da cidade, envolvendo torcedores do Corinthians e do Palmeiras, que deixou dois mortos. De acordo com a FPF, a decisão ficará em vigor até o término da apuração dos fatos.

A recomendação do MP pela suspensão de venda de ingressos foi feita também aos clubes participantes do Campeonato Paulista. Segundo o promotor de Justiça Roberto Senise Lisboa, além do confronto entre membros das duas torcidas ocorrido na Avenida Inajar de Souza, na zona norte, houve incidentes com a torcida Gaviões da Fiel no estádio do Pacaembu antes do clássico entre corintianos e palmeirenses, pela 15.ª rodada do Paulistão.

 

Abaixo a íntegra da nota da FPF:

A Federação Paulista de Futebol informa nesta sexta-feira, por meio do Vice-Presidente do Departamento de Competições, Cel. Isidro Suita Martinez, que está suspensa a venda de ingressos de jogos de futebol em todas as sedes de torcidas organizadas no Estado de São Paulo.

A decisão foi tomada atendendo à recomendação do Ministério Público, por meio do 5º Promotor de Justiça do Consumidor, Dr. Roberto Senise Lisboa, devido a gravidade do conflito do último domingo envolvendo torcedores de Corinthians e Palmeiras e terá vigor até o término da apuração dos fatos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.