Polícia Ambiental/Divulgação
Polícia Ambiental/Divulgação

Fazendeiro monta armadilha para javali e captura onça em Jales (SP)

Homem acabou multado e animal foi solto em área de mata. Felino é vítima de caçadores e das queimadas das lavouras

José Maria Tomazela, O Estado de S.Paulo

11 de julho de 2019 | 23h57

SOROCABA – Um fazendeiro montou uma armadilha para capturar javalis e acabou capturando uma onça-parda, nesta quarta-feira, 10, na zona rural de Jales, interior de São Paulo. Ao se deparar com o felino, um espécime macho, adulto, pesando cerca de 60 quilos, se debatendo na pequena jaula, o ruralista viu-se obrigado a acionar a Polícia Ambiental. O homem acabou sendo multado por não ter autorização dos órgãos ambientais para o uso de armadilha na caça de javalis.

Os agentes precisaram usar uma gaiola especial para retirar a onça em segurança da armadilha. Depois de ser avaliado em suas condições de saúde, o felino foi levado de caminhonete e solto em uma área de mata da região. A identidade do ruralista e o valor da multa não foram informados.

Apesar de ter se adaptado aos novos ecossistemas paulistas, como o dos canaviais, a onça-parda, também conhecida como suçuarana ou puma, passou a ser considerada vulnerável na última lista de animais ameaçados do Brasil, feita em 2014 pelo Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio). Além da caça, o felino é vítima das queimadas em lavouras de cana-de-açúcar e de atropelamentos em rodovias.

Notícias relacionadas

    Encontrou algum erro? Entre em contato

    Tendências:

    O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.