Fãs fizeram fila no velório horas antes da chegada do corpo

O corpo de Chorão foi velado no ginásio esportivo da Arena Santos, em Santos, no litoral paulista. Mesmo sabendo que o corpo só chegaria depois das 19h, uma multidão de fãs já se concentrava desde o início da tarde no local.

O Estado de S.Paulo

07 Março 2013 | 02h02

O Santos Futebol Clube, do qual era reconhecido torcedor, chegou a oferecer o salão de mármore da Vila Belmiro para as últimas homenagens, mas a família de Chorão já havia confirmado a utilização do ginásio. Os parentes não informaram se o artista será cremado, conforme havia solicitado anteriormente à família.

Chorão nasceu em São Paulo, mas se mudou para Santos aos 17 anos, já aficionado por skate. Ganhou o apelido após sucessivas quedas (e choros) enquanto aprendia as manobras. /ZULEIDE BARROS, ESPECIAL PARA O ESTADO

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.