Faria Lima e Cunha Gago têm interdições

Para completar o cenário de interdições ao redor do Largo da Batata, a Avenida Brigadeiro Faria Lima e a Rua Cunha Gago também estão em obras. Cabos estão sendo enterrados e as calçadas, padronizadas, o que tem dificultado a vida dos pedestres que passam por ali.

O Estado de S.Paulo

19 Outubro 2012 | 08h39

As calçadas do lado esquerdo da Rua Cunha Gago, entre as Ruas Cardeal Arcoverde e Teodoro Sampaio, foram totalmente retiradas no sábado passado. Os pedestres podem usar um pedaço da rua, delimitada com uma faixa amarela. Para entrar nas lojas, precisam pisar sobre madeiras. Nas esquinas, há areia amontoada e, em alguns pontos, os canos que devem receber os cabos subterrâneos de eletricidade e telefonia.

Ciclovia. Já a reforma na Faria Lima está sendo feita pela Subprefeitura de Pinheiros, que está enterrando fios, dando acessibilidade para cadeiras de rodas e construindo uma ciclovia entre a Rua dos Pinheiros e a Avenida Cidade Jardim, no canteiro central. "O trecho entre a Rua dos Pinheiros até a Avenida Rebouças, com extensão de 700 metros, segue em obras no canteiro central com previsão de entrega para a primeira quinzena de novembro", informou a Prefeitura. / T.D.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.