Famílias das vítimas serão indenizadas

Terminaram dia 20 as negociações para que as famílias das 12 crianças mortas no massacre da Escola Tasso da Silveira, em Realengo, recebam indenização da prefeitura do Rio. Os valores, não divulgados, foram propostos pela Defensoria Pública Estadual. Dia 20, a última família assinou o acordo. O crime que chocou o País aconteceu em 7 de abril, quando o ex-aluno Wellington Menezes de Oliveira foi à escola municipal armado com dois revólveres, efetuou mais de cem disparos contra os estudantes e se matou.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.