Familiares e amigos pedem divulgação da lista de passageiros

Parentes reclamam da demora da empresa de informar a lista com o nome das vítimas

Elder Oligari,

17 de julho de 2007 | 21h37

Em clima de muita tensão, familiares e amigos ocupam esta noite as imediações do balcão da TAM, no Aeroporto Internacional Salgado Filho, na capital gaúcha, exigindo a rápida divulgação da lista de passageiros que estavam no vôo 3054 acidentado em São Paulo da TAM.O avião sofreu acidente em São Paulo após pousar no Aeroporto de Congonhas. Míriam Batista contou que o cunhado iria para São Paulo a trabalho e criticou a falta de informações da companhia aérea. "Não consigo saber nada", declarou, sem ter certeza de que ele embarcou no vôo 3054.O advogado Roni Menezes da Silva disse que sua mulher aguardou por 20 minutos no 0800 117900 e recebeu a informação de que a lista não seria divulgada por telefone. "Eles têm a lista", disse Silva, olhando para o balcão da companhia. "Fornece logo a lista, acaba com essa angústia", pediu. Os funcionários da TAM seguiam dizendo que as informações serão divulgadas pelo número 0800.O autônomo Nilton Sarate expressou expectativa de que um amigo, que viajou para São Paulo à tarde, não esteja no vôo 3054 e também criticou a companhia aérea pela falta de informações.

Tudo o que sabemos sobre:
vôo 3054

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.