Falta de luz na Barra Funda atrasa retomada de júri

A falta de luz no Fórum Criminal da Barra Funda, na manhã de ontem, atrasou por quase 2 horas a retomada do segundo dia do Tribunal do Júri de Carla Cepollina, acusada de matar o coronel Ubiratan Guimarães. A sessão estava prevista para começar às 12h45, mas foi aberta apenas às 14h30.

O Estado de S.Paulo

07 de novembro de 2012 | 02h04

Antes de os trabalhos serem retomados, a acusação cogitou a hipótese de transferir o plenário para o Fórum de Santana, localizado perto da Barra Funda. A defesa, por sua vez, chegou a propor a suspensão do julgamento, o que adiaria a sentença sobre o assassinato do coronel Ubiratan para maio de 2013. / A.F.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.