Falta de detonador impede explosão de caixa eletrônico em Mairiporã

Segundo a PM, quatro bandidos chegaram no Mercado Sena, se apresentaram como funcionários, renderam a proprietária, clientes e testemunhas

Ricardo Valota, do estadão.com.br,

19 de maio de 2011 | 03h15

SÃO PAULO - A falta de um detonador levou um grupo de criminosos a abortar, por volta das 19h30 desta quarta-feira, 18, uma ação que pretendia explodir um caixa eletrônico da rede Banco 24 Horas instalado dentro do Mercado Sena, localizado na Rua do Verão, no Parque Náutico, na cidade de Mairiporã, na Grande São Paulo.

 

Segundo a Polícia Militar, quatro bandidos chegaram no estabelecimento e se apresentaram como funcionários da empresa responsável pela manutenção do equipamento. Em seguida, renderam a proprietária, clientes e cerca de 20 pessoas que estavam em uma praça em frente ao mercado. Todos foram levados para o mesmo local e mantidos reféns por um dos ladrões.

 

Enquanto isso, os demais fixavam o explosivo em gel na máquina, mas perceberam que faltava o detonador. Então resolveram encharcar os explosivos com álcool e ater fogo, mas não deu certo. Sem ter mais o que fazer, a quadrilha deixou o local e fugiu. Nenhum suspeito foi detido pela PM, que encaminhou os dados da ocorrência para a delegacia da cidade.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.