Falso policial civil é preso em Guarulhos

Homem portava documentos e distintivos e dirigia carro equipado com sirene

Bruno Lupion, Estadão.com.br

29 de setembro de 2010 | 09h39

SÃO PAULO - Um falso policial civil procurado pela Justiça foi preso às 3 horas desta quarta-feira, 29, após fugir de uma abordagem da Polícia Militar na rodovia Dutra, na região de Guarulhos. Ele portava documentos, distintivos e coletes da Polícia Civil e dirigia um Santana prata equipado com sirene e luzes de emergência.

 

Segundo a polícia, André Florentim Guimarães, 27 anos, se rendeu após cinco minutos de perseguição e saiu do carro dizendo ser policial civil. Aos militares, o fugitivo apresentou documentos e distintivos e citou diversos nomes de policiais, mas após ser pressionado teria admitido que era apenas "amigo de policiais" e que "trabalhava com policiais civis". Com ele, também foram apreendidas algemas e uma arma de brinquedo.

 

"É uma pessoa com bastante conhecimento sobre a rotina da polícia", disse o tenente Furutani, do 44º Batalhão, que comandou a abordagem. Segundo ele, o Santana levantou suspeitas ao passar pelo Trevo de Bonsucesso em alta velocidade e parou apenas na Rua Carlos Drummond de Andrade, no bairro Inocoop, em Guarulhos. Segundo a polícia, Guimarães era procurado por porte ilegal de arma e foi encaminhado ao 7º Distrito Policial de Guarulhos.

Tudo o que sabemos sobre:
Falso policialGuarulhosprisão

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.