Danilo Moreira / Reprodução
Danilo Moreira / Reprodução

Falha de energia provoca lentidão em linha 7-Rubi da CPTM

Linha apresentou problemas no sistema de energia, que fez com que os trens operassem com maior tempo de parada entre as estações 

Raquel Brandão, O Estado de S. Paulo

24 de agosto de 2015 | 08h51

SÃO PAULO - Os passageiros da linha 7-Rubi da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM) enfrentam dificuldades para embarcar desde as 6h da manhã desta segunda-feira, 24. De acordo com a Companhia, a linha apresentou uma falha no sistema de energia, que fez com que os trens operassem com velocidade reduzida e maior tempo de parada entre as estações Luz e Francisco Morato. 

Diante da lotação das plataformas, algumas estações, como Francisco Morato e Caieiras foram momentaneamente fechadas para controle de fluxo. Na estação Luz, passageiros relataram que funcionários estavam indicando o uso da linha 3-Vermelha do Metrô. O sistema Paese - ônibus que fazem o trajeto das estações - não foi acionado. 

"Fiquei uma hora e vinte minutos parado na estação. Eles não assumiram que os trens não estavam circulando, apenas falavam que operavam com velocidade reduzida", afirmou o usuário Adalberto dos Santos, que estava na Estação Francisco Morato. O estudante Danilo Moreira desistiu de ir para a faculdade, que fica na Barra Funda. "Não tinha Paese e encostou um trem que demorou mais de 40 minutos para sair."

Ainda segundo a CPTM, equipes de manutenção já trabalham para correção da falha no sistema, porém ainda há bastante reflexo na velocidade dos trens, o que tem provocado lotação. Até as 8h da manhã, a empresa não tinha previsão de solução do problema.

Tudo o que sabemos sobre:
CPTMSão Paulo

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.