Falha em site põe ingressos do U2 à venda por R$ 1

Valor correto para show é de R$ 1 mil; assessoria alega que fazia ''teste de estresse'' e especialista diz que basta devolver o dinheiro

Rodrigo Brancatelli, O Estado de S.Paulo

04 de dezembro de 2010 | 00h00

Um erro no sistema de um site fez com que ingressos para o show da banda irlandesa U2, marcado para abril, pudessem ser comprados por apenas R$ 1, na tarde de ontem. O valor correto do tíquete, válido para uma área na pista que fica ao lado do palco, é na verdade de R$ 1 mil. Já os ingressos das arquibancadas, que custam R$ 220 ou R$ 240, saíram por R$ 11. As entradas estavam disponíveis antes mesmo da abertura para a venda ao público geral, marcada para o dia 7.

O show do U2 360° Tour chega a São Paulo no dia 9 de abril - a venda ocorre pelo site de ingressos Tickets for Fun (http://premier.ticketsforfun.com.br/). Apenas quem já tem cadastro no site conseguiu visualizar os preços mais baratos. Na página da Tickets for Fun, vários campos estavam preenchidos apenas com a palavra "teste", o que mostra que tal endereço não deveria estar disponível aos internautas. Quem comprou o ingresso recebeu normalmente por e-mail a confirmação e o comprovante do cartão de crédito.

Procurada pela reportagem, a Assessoria de Imprensa da empresa afirmou que a venda era um "evento teste" para ver o "estresse" do site e saber se o endereço aguentaria o fluxo de internautas no dia da venda real. A assessoria ainda explicou que a confirmação do ingresso não é válida e que o débito no cartão de crédito será estornado - a Tickets for Fun vai entrar em contato com todos os clientes que fizeram a compra na "promoção".

"É um erro justificável, ele não foi feito para enganar o cliente, então o fornecedor está certo. Ele só precisa devolver o valor gasto, mas não tem obrigação de dar o ingresso por esse valor", diz Luiz Antônio Rizzatto Nunes, professor de Direito do Consumidor da PUC-SP e desembargador do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo. "Se o ingresso fosse R$ 60 e eles tivessem cobrado por engano R$ 50, seria outra história, não teria como provar que foi um erro e aí o consumidor poderia exigir seu direito. Mas se o ingresso custa R$ 1.000 e saiu por R$ 1, aí evidentemente quem está se aproveitando é o consumidor. É um erro escusável, aceitável, então o fornecedor só precisa restituir o valor e as taxas pagas pelas pessoas."

Pela programação "normal", a pré-venda de ingressos para a apresentação começou à meia-noite de ontem. Até domingo, dia 5, as entradas estarão disponíveis exclusivamente aos clientes dos cartões Citibank, incluindo Credicard e Diners. O público geral poderá comprar a partir do dia 7.

O U2 360° Tour já foi visto por 4,5 milhões de fãs desde 2009 - até o momento, o show em São Paulo é o único do U2 no Brasil. Os ingressos mais baratos custam R$ 70 (cadeira superior amarela, com visão parcial do palco), enquanto a pista comum sai por R$ 180. O show de abertura será do grupo inglês Muse.

PARA LEMBRAR

Fnac vende eletrônicos por R$ 9,90

Não é a primeira vez que um erro no site criou dor de cabeça para uma empresa. Em maio do ano passado, o site da Fnac ofereceu computadores, videogames e televisões pela bagatela de R$ 9,90. O site logo saiu do ar e a empresa teve de soltar um comunicado explicando o equívoco e afirmando que não se tratava de uma promoção. Apesar da polêmica na internet, os clientes tiveram de ser reembolsados.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.