Falha em laje pode ter causado desabamento

A empresa Ubiratan, responsável pela obra da Fábrica de Cultura da Brasilândia, zona norte de São Paulo, que desabou parcialmente na quinta-feira, matando um operário, disse que pode ter havido falha no escoramento da laje. O acidente também deixou 11 feridos. A empreiteira se comprometeu a contratar empresa externa para determinar onde ocorreu o erro. Segundo a Secretaria de Estado da Cultura, o Instituto de Pesquisas Tecnológicas (IPT) fará parecer sobre o desabamento. O Conselho Regional de Engenharia e Agronomia (Crea-SP) vai acompanhar a análise.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.