Pixabay
Pixabay

Faculdade da USP alerta alunos e funcionários sobre presença de escorpiões em suas dependências

Pessoas foram orientadas em caso de acidente com escorpiões a procurar atendimento médico e o Instituto Butantan 

Ana Paula Niederauer, O Estado de S.Paulo

17 Agosto 2018 | 15h34

A FEAUSP (Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade) da USP alertou nesta quinta-feira, 16, a seus alunos, professores e servidores sobre a presença de escorpiões nas dependências da faculdade.

No comunicado, a FEA alertou e orientou as pessoas sobre as medidas preventivas e de que forma agir em caso de eventuais picadas.  Segundo a faculdade, somente no mês de agosto, foram capturados dois escorpiões-amarelos (Tityus serrulatus). Em maio deste ano, um escorpião-marrom (Tityus bahiensis) já havia sido encontrado. 

Além de encaminhar os animais para o Instituto Butantan, onde foram identificados, a FEAUSP avisou o Serviço de Saúde Ambiental da Prefeitura do Campus da Capital da USP, que recomendou medidas corretivas a serem adotadas para redução de escorpiões nos prédios da Faculdade e em seu entorno. Uma das principais medidas é a limpeza geral das áreas.  

As pessoas foram orientadas em caso de acidente com escorpiões a procurar o Instituto Butantan para atendimento gratuito da população atacada por animais peçonhentos. 

A FEAUSP também distribuiu à sua comunidade material informativo em que estão relacionadas medidas preventivas para controle de escorpiões, além da orientação para procurar atendimento médico em caso de acidente, evitando a realização de procedimentos caseiros.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.