Explosão em fábrica de fogos mata 2 operários

Explosão em uma fábrica de fogos de artifício em Lagoa da Prata, Minas Gerais, matou dois funcionários na manhã de ontem. Os dois manipulavam pólvora negra quando a substância explodiu. Nereu Abel de Oliveira, de 46 anos, chegou a ser levado à Santa Casa de Santo Antônio da Costa, mas chegou morto. Segundo a Polícia Militar, José Antonio da Costa, de 50 anos, morreu na hora da explosão. Os bombeiros foram chamados, mas não houve incêndio. O Exército também foi ao local para analisar o acidente.

, O Estado de S.Paulo

22 Janeiro 2011 | 00h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.