Explosão em câmara da Eletropaulo fere mulher e danifica carros em Santa Cecília

Com queimaduras em todo o corpo, vítima, de 31 anos, continua internada na Santa Casa

Ricardo Valota, do estadão.com.br,

18 de janeiro de 2012 | 02h30

SÃO PAULO - A explosão dentro de uma câmara subterrânea da Eletropaulo feriu uma pessoa, destruiu por completo um veículo e causou danos em pelo menos outros quatro, às 20h45 de terça-feira, 17, na altura do nº 150, em frente a uma pizzaria, da Rua Doutor Frederico Steidel, em Santa Cecília, região central da capital paulista.

 

A auxiliar de limpeza Marcilene Ferreira Silva, de 31 anos, funcionária da pizzaria, era a pessoa que estava mais próxima da câmara e acabou atingida, sofrendo queimaduras em várias partes do corpo, principalmente no rosto e nos braços. Policiais militares da 2ª Companhia do 13º Batalhão encaminharam a auxiliar para Santa Casa, onde ela continua internada. O estado de saúde da vítima ainda não foi informado pelo hospital.

 

Segundo a assessoria de imprensa da Eletropaulo, empresa responsável pela distribuição de energia na capital paulista, dentro da câmara, cuja tampa é de concreto, existe um transformador, mas ainda não se sabe ainda se foi este equipamento que explodiu. As ruas da região ficaram sem energia entre as 22h45 e 22h55, intervalo em que o sistema de distribuição de energia para a região foi remanejado, automaticamente.

 

O incidente foi registrado no 77º Distrito Policial, de Santa Cecília.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.