Explosão de gás mata empresário no interior

Morreu na tarde de ontem uma das vítimas da explosão em um restaurante no centro de Mogi Guaçu (SP). O acidente aconteceu no dia 5 deste mês e deixou quatro feridos. Um botijão de gás do estabelecimento vazou e provocou uma explosão no momento em que era feita a troca. Com 40% do corpo queimado, o dono da empresa de gás, Sebastião Teixeira, de 49 anos, estava internado em estado grave em Limeira e não resistiu. O estabelecimento estava com o alvará na prefeitura vencido desde 2009.

O Estado de S.Paulo

15 de fevereiro de 2013 | 02h03

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.